VISITA PASTORAL À PARÓQUIA DE SÃO ROMÃO DE CARVALHOSA

VISITA PASTORAL À PARÓQUIA DE SÃO ROMÃO DE CARVALHOSA

A Visita Pastoral, nesta Paróquia de São Romão de Carvalhosa, decorreu entre os dias 13 a 16 de Dezembro, estando entre nós o Senhor D. António Augusto de Oliveira Azevedo, acompanhado pelo nosso Pároco, Pe. António Jorge.

O programa da Visita Pastoral foi organizado de modo a: “reavivar as energias dos obreiros do Evangelho; convocar todos os fiéis à renovação da sua vida cristã; avaliar a eficácia das estruturas e instrumentos de Pastoral e conhecer as condições de vida das pessoas, suas necessidades e anseios. “como é orientação do nosso Bispo D. Manuel Linda.

Na Quinta-feira, dia 13 começámos com a visita ao Infantário e à Escola Primária, onde a alegria das crianças, se fez sentir, não só pela proximidade do Natal, mas principalmente pelo contacto com o Senhor Bispo. Houve muitas perguntas e ficaram as lembranças partilhadas pelas crianças ao Senhor D. António Augusto.

Continuamos com a visita aos doentes acamados, onde palavras de conforto, consolo e esperança foram deixadas aos doentes e seus familiares.

Após o jantar, terminamos o dia no encontro com os responsáveis da Junta e Assembleia de Freguesia, onde foram partilhados ao senhor Bispo, sonhos, projectos e dificuldades na construção do bem-estar comunitário.

Na Sexta-feira, dia 14, a visita começou com a passagem pelo Centro Social, ficou a alegria do acolhimento de quem nos recebeu e a esperança deixada pelo Senhor Bispo aos que no Centro de dia encontram um espaço fraterno de vida e realização dos seus sonhos, nesta fase “adiantada” da vida. Muitos deles sós, limitados nas suas capacidades e acima de tudo com grande necessidade de afetos.

Nas empresas vimos o que de bem se faz na nossa terra e a ajuda às famílias que nelas trabalham e encontram o seu sustento. O senhor Bispo deixou aos empresários, palavras de apreço e coragem pelo empreendedorismo.

Após o jantar, na Assembleia Paroquial, realizada com todos os colaboradores e após a apresentação dos vários grupos, deixou o Senhor Bispo palavras de encorajamento para a construção de uma comunidade de “pedras vivas”. Referiu que é fundamental e primordial nesta construção, a participação de todos, desde os mais novos aos mais idosos, tendo cada um, uma função única e especial.

E ainda, que cada um deve sempre possuir um espírito missionário.

Ao terminar o dia, no encontro com os crismandos e jovens o convite deixado passou pela integração destes na vida da Comunidade fazendo dela um “espaço Jovem”, com a criatividade e jovialidade que lhes são próprias. A Igreja e esta comunidade cristã muito espera deles.

No Sábado, dia 15 de Dezembro, no encontro com as crianças das Catequese, seus pais e catequistas, após a apresentação das crianças por anos, ficaram, no diálogo, as razões pelas quais é importante frequentar a catequese: conhecer Jesus para o amar e seguir, ser seu discípulo, ser feliz e fazer os outros felizes, pertencendo a uma mesma família. De modo que esta comunidade de São Romão de Carvalhosa seja como dizia o nosso Papa Francisco “uma família de famílias” que acolhe quem chega e ajuda quem necessita. Nos tempos difíceis que se vivem, em que cada vez mais as famílias se encontram desestruturadas os pais foram assim convidados para uma maior participação e colaboração com a Comunidade Cristã na pessoa dos Catequistas. Aos Catequistas o senhor Bispo agradeceu pelo serviço, colaboração e disponibilidade que prestam à Igreja.

Na Eucaristia vespertina, alguns dos nossos idosos e mais fragilizados pela doença receberam o Sacramento da Unção dos Doentes. Foram deixadas palavras de esperança, neste que é o terceiro Domingo do Advento, Domingo da Alegria, aos que pela idade, doença e sofrimento assim desejam viver unidos a Cristo sofredor, mas ao mesmo tempo consolador.

No encontro com as Associações locais, depois de se apresentarem, ficou vincada a importância de cada uma no trabalho que realizam, desde o desporto à cultura e acção social, para a construção do bem comum. Terminamos com um jantar partilhado entre as várias Associações, onde perduraram o convívio e proximidade, vivendo-se antecipadamente, o espírito natalício.

O Domingo, dia 16 de Dezembro, marcou o fim da Visita Pastoral. Na Eucaristia receberam o Sacramento da Confirmação alguns jovens que fizeram a sua caminhada catequética e foram apresentados os que iniciaram, no princípio do ano pastoral a sua caminhada para serem crismados. Deixou o Senhor D. António Augusto, neste Domingo da alegria, palavras de esperança numa comunidade que prepara e vive a alegria, assente na partilha, na tolerância e paz do Deus Menino nascido para nós. Deixou o desafio à nossa Comunidade de viver marcada pela Visita Pastoral do nosso Bispo que veio para nos animar na fé, fortalecer na esperança, viver na caridade e como garante da comunhão e unidade eclesial.

Terminamos com um almoço, aberto à comunidade, servido pelos colaboradores do nosso Centro Social, nas suas instalações, onde o convívio e espírito de família estiveram bem presentes.

Para terminar deve-se referir que esta Visita Pastoral, ficou marcada pela proximidade, interação e generosidade do senhor Bispo para com as gentes desta terra.

Agradecemos as palavras de ânimo e de esperança por ele proferidas.

Desejamos que regresse aos seus afazeres quotidianos com o coração cheio de pequenas experiências vivenciadas ao longo destes dias.